Close

CUIDE DA SUA MOTO DURANTE O COVID-19

Com a chegada do bom tempo, uma das coisas que mais queremos é andar de moto. Infelizmente, a situação atual assim não o permite, uma vez que temos de continuar a adotar uma atitude responsável e preventiva, ficando em casa, ajudando a salvar vidas e a evitar a propagação do COVID-19, até que as autoridades assim o recomendem. No entanto, não quer isto dizer que se esqueça da sua moto. Neste momento, é importante ter em conta um conjunto de precauções de forma a evitar uma deterioração prematura de alguns componentes. De seguida, indicaremos alguns simples passos para que possa cuidar adequadamente da sua moto durante estes dias e, assim, garantir que esteja totalmente preparada para retomar a circulação.

16 de Abril de 2020

Armazenamento

• A moto deve ser armazenada numa área seca e segura, afastada dos elementos.

• É conveniente evitar o armazenamento perto de janelas, pois a luz UV pode afetar a tinta e os componentes plásticos.

• Após a escolha do local de armazenamento, é recomendável tapar a moto com uma cobertura especial que seja respirável.

• É melhor colocar no suporte central (se equipado).

Limpeza da moto

Limpe a moto, especialmente se circular em zonas costeiras, pois o sal pode provocar a deterioração das superfícies metálicas. Uma vez limpa e seca, aplique um spray para metais, plásticos e polimentos, obtendo assim uma camada protetora que repele a água e que protege as partes de metal e plástico dos raios ultravioletas.

Sistema de combustível

Para motociclos equipados com um sistema de injeção.

A forma mais apropriada para garantir a manutenção do sistema de combustível é encher completamente o depósito com combustível novo. O nível apropriado é até à zona inferior do bocal do depósito.

Lubrificação e ajustes

Verifique e ajuste a folga da corrente de transmissão e lubrifique com o lubrificante indicado para correntes de transmissão.

Bateria

Retire a bateria da moto e efetue uma carga.

Se não for possível a remoção da bateria, pelo menos uma vez por semana, deverá ligar a moto e deixar trabalhar ao ralenti até que atinja a temperatura de funcionamento, de seguida, acelere o motor várias vezes de forma a ultrapassar as 3000rpm, sem travar. Este procedimento ajudará a manter a carga na bateria, permitirá a lubrificação dos componentes do motor e renovará o combustível que se encontra no sistema de injeção.

Pneus

Antes de armazenar a sua moto, verifique a pressão de ambos os pneus e ajuste se necessário.

Preferencialmente, a moto deve ser guardada com ambas as rodas elevadas, caso não seja possível, é recomendado que, pelo menos uma vez por semana, mova a moto, de modo a que o peso não esteja sempre a ser exercido na mesma zona do pneu.

Para além destas recomendações, pode também consultar o Manual de Utilizador da sua moto.

Verificações pré-condução

Antes de voltar a conduzir a sua moto, os pneus devem ser verificados quanto a fissuras. Se nenhuma deterioração for encontrada, verifique a pressão para garantir que é a recomendada no Manual do Utilizador.

Deve verificar o nível de óleo e outros fluídos essenciais.

Se desconectou a bateria, limpe os terminais com uma escova de aço e aplique massa dielétrica. De seguida, reinstale a bateria.

Deve também limpar os discos de travão de ambos os lados com um produto específico. Antes de começar a circular a um ritmo mais rápido, verifique se tudo está funcional circulando a baixas velocidades e rotações.

Caso tenha uma visita ao seu Concessionário Honda pendente, ligue com antecedência para agendar, garantindo assim que a moto está pronta quando precisar.